segunda-feira, 17 de junho de 2013

Fim das parcerias

Há cerca de três anos iniciei uma série de colaborações com algumas editoras. Tudo começou num pedido meu a uma editora que considero ser uma das melhores editoras nacionais e, pouco depois, recebi vários mails a proporem-me essas cooperações nas mais diversas condições, sendo que a única que vincou e aquela por que me bati foi o de publicitar no meu blog as novidades e, em retribuição, eu solicitaria, dentro dessas novidades, os livros que bem entendesse para posterior opinião no blog e até hipotético passatempo.

Não escondo que correu muito bem nos primeiros tempos. Livros em barda, a maioria, de facto, que considerava interessantes e eu sempre com a preocupação de ler a sua maioria para por fim escrever a opinião. De ressalvar que uma das condições que sempre impus foi o de ser completamente independente das minhas considerações.

No entanto nos últimos tempos, quiçá devido às centenas de blogues que possuem essas colaborações e que se limitam a vomitar publicidade de tudo o que é livro, lançamento, entrevista e afins, apercebi-me de algum cansaço das próprias editoras, pois decerto estão a chegar à conclusão que o retorno dessas cooperações é menor do que aquele que julgavam.

Pessoalmente penso que as editoras são as principais culpadas pela sua falta de critério em atribuir essas parcerias. Bastaria navegar uma vez por semana nos blogues que com elas colaboram para se perceberem qual o verdadeiro objectivo desses bloggers. Blogues vazios, cujo único conteúdo é publicidade, enfim, pergunto: Serve a uma editora um blogue desses que ninguém visita?

Mas adiante.

O certo é que cansei-me destas parcerias. Cansei-me de receber mails das editoras com as novidades, ter de as ler e analisar e depois trabalhá-las para as postar. Cansei-me de, depois desse trabalho, e embora cada vez peça menos livros (há uma editora que não peço livros há quase um ano), esperar uma eternidade para os receber e é quando, mesmo depois desse eternidade, só enviam alguns. E depois há aquelas que simplesmente enviam as novidades, agradecem quando eu as post mas depois não enviam os livros. Semanas depois de eu insistir, dizem que têm muito trabalho e tal.

Por isso cansei-me disto tudo!

Vou deixar de postar qualquer novidade ou notícia de qualquer editora.

Vou voltar às raízes do meu blog e escrever sobre livros que me apetece ler e não, como por vezes acontecia, livros que tinha de ler porque enfim, tinha-me sido oferecidos e faziam parte do acordo.

Quando quiser determinado livro, compro-o ou vou a uma biblioteca.


6 comentários:

Telma T. disse...

Parabéns, acho que é um passo inteligente. :)

Clarinda disse...

Gostei do teu desabafo.
Eu tenho o meu espacinho e para evitar estas "confusões" nunca pedi ou acietei parcerias.
O meu blog é meu e para quem quiser seguir-me sem imposições, sem contratos,... LIVRE!

Parabéns pela tomada de posição.
Eu continuarei a visitar-te.

Rui Bastos disse...

Parece-me uma decisão bastante razoável. Apesar de não fazer nenhuma parceria desse estilo, ainda que gostasse (convenhamos, free books são um atractivo forte), vejo como é que funciona em outros blogs, e as editoras parece que realmente decidiram aceitar todas as parcerias durante 2 ou 3 anos, e agora é o descalabro. Toda a gente tem uma parceria! Toda a gente tem livros grátis! Toda a gente faz publicidade!

É um exagero, e o efeito perde-se, dilui-se. Ainda por cima quando as editoras são cada vez mais iguais umas às outras... Qualquer que tenha sido a missão inicial, volta e meia publicam um romance erótico. Antes eram os vampiros bonitos, anjos bonitos, criaturas bonitas de uma forma geral, agora é softcore mal disfarçado, para dona de casa ler no metro...

Mas isso são outros quinhentos. Desde que continues a publicar as críticas que sigo com atenção, fico feliz :)

Um abraço!

tonsdeazul disse...

Algo que sempre evitei por temer essas mesmas razões que agora mencionas aqui.
A verdade é que ao fim de alguns anos, no teu caso 3, fica-se cansando de estar quase que formatado para... e isso é coisa que nunca quis para o meu tonsdeazul.

Mesmo sem parcerias, continua a dar as tuas melhores opiniões literárias, que quem te segue continuará a gostar de vir aqui lê-las. ;)

Boas leiutras, sem pressões ou qualquer tipo de preocupação!

Iceman disse...

Pois é meus amigos e amigas, a verdade é que me cansei de um trabalho sem retorno, ainda por mais e isso é algo que o Rui aflora no seu comentário, quando a maioria das edições são fracas e versando os mesmos temas.
Penso que estas parceiras podiam ser interessantes se fossem trabalhadas noutros moldes. Como o são, sem qualquer tipo de critérios por parte das editoras, que oferecem parcerias a blogues que nascem para isso (logo permito-me pensar em blogues "cunha", entendem?). Assim e conforme eu fui dizendo aqui e ali, isto acabaria por rebentar e, o que constato, é um cansaço também das editoras que se aperceberam que essas parcerias dão-lhe pouco ou nenhum retorno.
E, de facto cansei-me. Trabalhar os mails que nos enviam, alguns completamente desformatados com capas trocadas e textos semi cortados. Temos passar horas a arranjar tudo para postar para depois andarmos a pedinchar livros, a maioria deles sem grande interesse.
Não, fartei-me!
E mais, não vou voltar a “ler a pedido”.

Marisa Luna disse...

Olá minha linda!
Eu continuarei a visitar-te porque gosto do que escreves e percebo muito bem o que dizes.
Compreendo-te e já me tinha apercebido como alguns blogue se "vendem" de forma tão notória!
Conta comigo por aqui.
E fala sempre do que sentes e do que sentiste quando leste, que isso a malta gosta de ler.
Beijocas