sexta-feira, 31 de julho de 2015

Lugares Fantásticos que foram abandonados



Causa-me imenso fascínio e, em alguns casos, alguma estranheza, alguns lugares fantásticos que foram deixados ao abandono e que agora são alvos das intempéries e de vandalismo, lugares esses não apenas pelos sítios onde estão como, em muitos casos, pela sua arquitectura. E sobretudo estranheza porque me questiono se “aquilo” não tem dono e interessados em adquirir esses lugares e edifícios, pois são espaços que de certo valem “alguma coisa” e o facto de estarem abandonados é algo que me causa estranheza.


Em todo o mundo há "n" de lugares fantásticos abandonados nos quais destaco, pela sua beleza, o HotelSalto, Colômbia; Moínho de água, Itália; Cidade medieval deCraco, Itália; Castelo Miranda, Bélgica e a Estação de metro CityHall, Estados Unidos da América. No entanto quero destacar aqueles lugares estranhamente abandonados no nosso pais:


- Palácio do Rei do Lixo, Coina. Quando venho de Lisboa em direcção a Évora vejo sempre esse imponente edifício. É lindíssimo;
- Quinta do Montado – Quinta de Marques Gomes –Canidelo
- Casa da Praça – Frazão
- Casa do Relógio – Porto;
- Convento Santa Clara -Vila do Conde;
- Palácio Fonte da Pipa – Loulé;
- Restaurante Panorâmico – Monsanto.

E por incrível que pareça há mais locais e edifícios em completo abandono.

Questiono? Estes locais não têm donos? Nalguns casos sei que sim, mas se não, porquê o Estado Português sempre tão lesto a salvar BPN’s e a fazer negociatas com os amigos, não investe neste património de forma a que fique de todos nós?

É apenas uma questão ingénua!

5 comentários:

Paula disse...

Triste!

Iceman disse...

Olá Paula!
Triste sob vários pontos de vista.

Triste que se tenha deixado chegar a tanta degradação. Triste porque ninguém com responsabilidade (leia-se poder político e empresários) tem visão de recuperar esse património.

E triste porque estão ao abandono e a grande maioria dos portugueses nem sonha.

Carla disse...

Fico sem saber o que dizer.

tonsdeazul disse...

O Palácio Fonte da Pipa faz parte do meu imaginário de miúda. Vivi durante alguns anos em Loulé e enquanto crianças sempre ouvimos imensas histórias sobre este Palácio, que estava assombrado e não devíamos ir brincar para ali... Há uns anos foi todo restaurado para receber iniciativas culturais no âmbito do Allgarve. Acabou por não dar em nada e voltou ao abandono. E aí é que não consigo aceitar, como é que o Município de Loulé deixou que um Palácio totalmente restaurado caísse no esquecimento e abandono... É triste.

Também tive oportunidade de ver o Hotel Monte Palace, quando fui a São Miguel e é realmente triste deixarmos chegar a este ponto edifícios destes...

Iceman disse...

Eu depois deste post encetei uma pequena investigação sobre locais abandonados e depressa, imagine-se, colectei 100 locais ao completo abandono, alguns dos quais têm donos mas que não querem saber.

E falo de locais em que há memória do que foram, pois existem outros que estão tão degradados que ninguém sabe o que foi.